domingo, 27 de novembro de 2011

Armadilhas do amor.


O amor me surpreendeu várias vezes,
veio em momentos que eu não esperava,
chegava sempre de mansinho como quem não quer nada,
eu dizia que estava protegido,
que se o amor fosse veneno eu já teria o antídoto,
pobre de mim,
 achava que poderia enganar o amor,
mas meu coração veio e me mostrou, 
que não há sentimento mais forte que o amor,
não há um ser humano que possa vencer esse sentimento que supera a dor,
quanto mais eu fugia,
mais forte ele ficava,
uma armadilha tão grande,
que toda e qualquer fuga seria precipitada,
e mais uma vez o amor me venceu pelo cansaço,
devo me entregar, ou passar por mais um obstáculo ?
Isso o tempo vai mostrar,

o que me resta é para esse sentimento me entregar.




Nenhum comentário:

Postar um comentário