segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Amor e dor.

Eu sempre acreditei no amor,
até chegar o dia em que conheci a dor,
apareceu em um momento de fraqueza,
levando embora a alegria e trazendo a tristeza,
o que fazer da vida agora?
Será que o amor ainda volta?
Se não voltar, a vida seguirá,
e me mostrará o caminho que devo traçar,
para quem sabe um dia reencontrar,
um sentimento que esqueci de guardar,
um sentimento mais forte que a dor, 
um sentimento chamado amor.